Hoje muito tem se falado a respeito de detox ou dieta detox mas afinal o que é? Como funciona?

detox

A dieta detox, também conhecida como dieta desintoxicante, faz uma faxina geral no organismo,eliminando toxinas . Todos os dias nosso organismo é bombardeado por substâncias nocivas, como medicamentos, corantes, conservantes, gordura, entre outros. A dieta detox ajuda a eliminar esses excesso que, ao longo do tempo, vão se acumulando e impedindo que o organismo funcione a todo o vapor.

Por que fazer?

Além de promover nutrição ao organismo, a dieta de desitoxificação contribui com o bom funcionamento do intestino, diminui a retenção de líquidos por aumentar a sua eliminação, promove a aceleração do metabolismo aumentando o gasto calórico, proporciona uma maior sensação de saciedade e diminui o apetite por doces pelo aumento do consumo de fibras e melhor nutrição do organismo.

O principal objetivo da dieta de detox não é a perda de peso e sim o equilíbrio do organismo. O processo de emagrecimento é uma conseqüência.

E como é o processo de detox?

Durante o detox a ingestão de líquidos, principalmente a água é de extrema importância, para que as impurezas sejam eliminadas do organismo além de ser essencial para a manutenção geral do corpo.

São eliminadas as frituras, alimentos industrializados e ricos em gordura, glúten (derivados do trigo) e lactose (leite e derivados) por serem de difícil digestão atrapalhando o processo de desintoxificação. Além destes, também devem ser eliminados da dieta no período de detox o ovo, açúcares (inclusive adoçantes industrializados) e o álcool. Produtos a base de cafeína, como cafés e chás mate, devem ser evitados ou ingeridos com moderação.

Os alimentos que devem estar presentes no período da dieta detox são:

– Integrais: ricos em fibras, vitaminas do complexo B e minerais (arroz integral, quinua).

– Leguminosas: ricas em proteínas desempenhando papel importante na construção e manutenção dos tecidos (feijão, grão de bico, lentilha, ervilha).

– Peixes: fornecem proteínas em quantidades equivalentes a carne vermelha além de oferecerem grandes quantidades de ômega-3 que é uma gordura benéfica a saúde com ação antiinflamatória.

– Frutas, legumes e verduras: fornecem ao organismo vitaminas e minerais, que desempenham funções importantes e também são fontes de fibras.

– Chás de ervas: contribuem para a diminuição da retenção líquida, devido seu efeito diurético.

Após o período da dieta de desintoxificação, é importante manter uma alimentação saudável e equilibrada.

Todos podem fazer?

Grávidas, lactantes, diabéticos não controlados, pessoas com problemas gastrointestinais e pacientes que estejam submetidos à quimioterapia, radioterapia, corticoterapia, terapias imunossupressoras ou uso de imunoglobulinas não devem realizar o procedimento.

O ideal é buscar a orientação de um nutricionista para elaborar um plano alimentar adaptado às necessidades e particularidades que todos temos.

Bjs!!

Rafa

 @CozinhaRafinha – Nos siga no Twitter: além das receitas, dicas e truques da nossa cozinha

Anúncios